Apresentar uma ideia para investidores é difícil. Porém, há várias estratégias que podem melhorar suas chances de conseguir financiamento para sua startup. O pitch é uma delas. Essa ferramenta é usada por empreendedores com este único fim. Ela deve trazer as informações mais relevantes, que chamam a atenção do investidor. Confira como fazer um!

Os elementos essenciais na hora de apresentar uma ideia para investidores

Em 2015, a Escola de Negócios de Harvard e o DocSend estudaram as atividades de captação de recursos de 200 startups. Na conclusão, viram que os investidores gastavam tempos diferentes em cada categoria do pitch. Na ordem do mais analisado (23,2 segundos) para o menos (10,6 segundos), temos: finanças, equipe, concorrência, por que agora, objetivo, modelo de negócios, produto, tamanho do mercado, problema e solução.

Finanças

Ao apresentar uma ideia para investidores, é preciso falar sobre finanças. Pode ser uma mera projeção de ganhos ou uma participação de mercado. Porém, apesar de essa categoria ocupar o primeiro lugar em termos de quanto tempo os investidores dedicam a cada seção, poucas startups a apresentam no pitch.

Isso porque a maior parte delas não tem dados financeiros significativos para discutir. Então, apresente o possível. Fluxo de caixa, crescimento comparado ao lucro e outros pontos são suficientes.

eBook: Guia de investimentos para Startups

Baixe nosso eBook e entenda questões como valor atribuído, rodadas de investimento e tipos de investimento para startups!

Equipe

Investidores querem saber quem é a equipe por trás da startup. Apresente uma visão geral e direta de quem está envolvido com o negócio. Qualificações e experiências devem ser listadas. Lembre-se que os investimentos destinam-se a quem tem uma boa ideia, não à ideia em si. São as pessoas que permitem que grandes empresas surjam.

É importante mostrar ao investidor que sua equipe de startup é sólida.

Concorrência

Na hora de apresentar uma ideia para investidores, não se esqueça de dar uma visão geral de seus concorrentes, juntamente com uma declaração de sua vantagem competitiva. Investidores experientes sabem que sempre há riscos. Se você não responde sobre os fatores de risco do seu negócio, perde a credibilidade.

Por que agora

Por que agora é o momento certo para lançar este produto e empresa? Essa resposta é muito importante na hora de apresentar uma ideia para investidores. Quando se trata de lançar startups de sucesso, o timing é tudo. Convença os investidores de que o mercado está pronto para a solução que você oferece. Para isso, use dados e análises importantes em seu mercado ou produto.

Objetivo

Por que sua empresa existe? Qual o objetivo dela? O pitch deve apresentar uma resposta a essas perguntas. É uma declaração de missão, que informa aos investidores por que eles deveriam prestar atenção na sua startup. É preciso cativar o público, e, para isso, comece com um propósito sólido da empresa.

A Amazon, por exemplo, possui como missão “ser a empresa mais centrada no cliente da terra; para construir um lugar onde as pessoas possam encontrar e descobrir qualquer coisa que desejem comprar on-line. ”

Modelo de negócios

Modelo de negócios é a visão geral de como você monetizará seu produto e criará um negócio escalonável. Em outras palavras, como você ganhará dinheiro. Ou, ainda, como sua startup cria, entrega e captura valor. O modelo de negócios mostra todos os fluxos dos diferentes setores de sua empresa.

Produto

O produto também deve fazer parte do pitch. Na hora de apresentar uma ideia para investidores, dê uma visão geral clara dele. Detalhe sua funcionalidade, arquitetura, design e desenvolvimento. Descreva o que seu produto faz e como ele faz isso. Não deixe também de indicar seu estágio atual de desenvolvimento.

Após ver esta seção, os investidores não devem ficar com dúvidas sobre o produto.

Tamanho do mercado

Qual o tamanho, a forma, as características e as tendências do mercado que você fará parte? O valor do seu produto depende do tamanho e do crescimento do mercado ao qual ele pertence. Na hora de apresentar uma ideia para investidores, demonstre a eles que seu mercado-alvo está “faminto” por uma nova solução para o problema descrito.

Problema

O pitch deve ter a informação sobre qual problema sua startup está tentando resolver. Na hora de apresentar uma ideia para investidores, demonstre o valor que ela adicionará ao mundo. A essência de qualquer produto ou serviço de sucesso reside na sua capacidade de resolver determinado problema. Ele deve agregar valor ao mundo.

Em outras palavras, o problema precisa ser uma “dor de cliente monetizável”. Os investidores querem saber que existe um potencial real para construir um negócio atendendo ao problema descrito.


Solução

Seu produto ou serviço deve resolver o problema e melhorar a vida das pessoas. Essa categoria descreve sua proposta de valor. Ou seja, uma declaração objetivo do benefício de sua oferta. Como você resolve as necessidades do seu cliente? O que o distingue da concorrência?
Com um pitch completo, você terá sucesso na hora de apresentar uma ideia para investidores. Conseguir financiamento para sua startup é fundamental para que ela cresça. Por isso, na dúvida, peça auxílio a um profissional para elaborar esse documento tão importante para seu sucesso!